Equipe de neurocirurgia do HNSA realiza o primeiro procedimento de trombectomia em paciente com AVC

1
Grupo da Associação Beneficente da Assembleia de Deus em Três Lagoas e região (ABADTLAR) doa alimentos ao Hospital Auxiliadora
19 de agosto de 2021
3
Agosto Dourado: HNSA incentiva o aleitamento materno
27 de agosto de 2021

Equipe de neurocirurgia do HNSA realiza o primeiro procedimento de trombectomia em paciente com AVC

1

1Os procedimentos cirúrgicos da especialidade de neurocirurgia do Hospital Auxiliadora consegue avançar mais uma vez, no início do mês de agosto foi realizado o primeiro procedimento cirúrgico de trombectomia mecânica, também chamada de cateterismo cerebral, para o tratamento de pacientes graves com Acidente Vascular Cerebral (AVC) isquêmico agudo.

Para o médico neurocirurgião Dr. Daniel Rodrigues de Oliveira é a primeira vez que a técnica é realizada no HNSA. “Já vínhamos tentando implantar essa técnica aqui no hospital, estamos em busca do tratamento nível 3 do AVC, hoje existe medicações que é a trombólise, que ajudar tratar a doença que é realizado uma desobstrução através da medicação que dissolve o entupimento da veia, mas em alguns casos não tem como fazer com o tratamento medicamentoso e temos a opção da trombectomia que é a retirada do coágulo que está entupindo o vaso”, disse.

De acordo com o médico existe duas técnicas, a primeira é endovascular, com um cateter pela virilha e a segunda através de processo cirúrgico. “É feito uma cirurgia aberta onde é retirado essa veia e o coagulo que está obstruído, fazemos a desobstrução e restabelecemos a circulação cerebral”, explicou.

Dr. Daniel explica também que o procedimento não é indicado para todos os casos de AVCs. “O critério é restrito, alguns casos conseguimos tratar com medicação, porém quando o Avc já está em uma complicação maior e tem uma grande chance de evoluir para uma situação mais séria, sequela ou até um coma permanentes, então são casos selecionados”. E completou: “A técnica ajuda a recuperar grande parte do tecido cerebral, e que evolua por um inchaço muito grande no cérebro, ou até mesmo procedimentos cirúrgicos de retirado de osso por parte da beça para o cérebro não inchar. São opções e evoluções que hoje encontramos aqui no Hospital Auxiliadora”, afirmou.

Como é realizado o tratamento

A técnica consiste na introdução de um cateter, que vai até o ponto de oclusão responsável pelo AVC. Na ponta desse cateter há um stent capaz de aderir ao trombo e resgatá-lo, desobstruindo o vaso acometido. O procedimento é considerado muito eficaz para a redução das sequelas desses pacientes.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0
Connecting
Please wait...
Send a message

Desculpe! Não estamos por aqui agora. Deixe uma mensagem e nós retornaremos para você, o mais breve possível.

Your name
* Email
* Describe your issue
Login now

Dúvidas? Nós estamos aqui. Envie-nos uma mensagem!

Your name
* Email
* Describe your issue
We're online!
Feedback

Help us help you better! Feel free to leave us any additional feedback.

How do you rate our support?